CARREGANDO

O que você procura

Especiais Fotos

Pelo Mundo ESPM – Charlie Chaplin

Compartilhar

Gabi Schiavo – (1º semestre)

Gabriela Gaeta – (3º semestre)

Vitor A. Altino – (3º semestre)

Charlie Spencer Chaplin Jr nasceu em Londres, Inglaterra em abril de 1889. Foi um ator, dançarino, diretor e produtor inglês; considerado o mais famoso artista cinematográfico da era do cinema mudo. Filho de Charles Spencer Chaplin, um alcoólatra que era vocalista e atuava, e de Hannah Chaplin, cantora e atriz. Os pais de Chaplin se divorciaram quando ele tinha apenas três anos e aos cinco, Chaplin subiu ao palco e cantou a música “Jack Jones”.

Logo após a morte de seu pai e o afastamento de sua mãe que se internou em um asilo, Chaplin foi transferido para um orfanato e posteriormente para um internato de crianças pobres.

Aos 19 anos, em 1908, ele deu os primeiros passos para a sua futura carreira de sucesso, ao trabalhar no Teatro de variedades e tendo um grande êxito como mímico. No ano de 1910 durante uma turnê pelos Estados Unidos com a equipe de Fred Karmo, conheceu um produtor cinematográfico e em 1913 já estreava como um ator de cinema da Keystone Film Company.

No final de 1914 após ser contratado pela Essanay recebeu um alto salário e a sua própria unidade de produção. Um ano depois produziu a aclamada comédia “O Vagabundo” e criou o icônico personagem, o vagabundo Carlitos. Foi o personagem que mais marcou sua carreira. Nessa película, Chaplin interpreta um andarilho, pobretão, com as maneiras refinadas e a dignidade de um cavalheiro; que veste um casaco desgrenhado, calças e sapatos desgastados, um chapéu coco, uma bengala e o seu famoso bigode.

Em 1919 em parceria de Mary Pickford, Douglas Fairbanks e D. W. Griffith, Charles fundou sua própria produtora, a United Artists. Com o seu personagem Carlitos, o ator arquitetou filmes com uma mescla de humor, poesia, ternura e crítica social, entre eles: O Garoto, Em Busca do ouro e O Circo.

No ano de 1927 se opondo a nova forma de fazer cinema, Chaplin segue com sua atuação baseada em mímicas; produzindo nessa época: Luzes da Cidade e Tempos Modernos.

No começo dos anos 40, Chaplin estreia seu primeiro filme falado, O Grande Ditador, uma sátira ao Nazismo e ao Fascismo, cujo seu papel é o do ditador Adolf Hitler. Recebeu indicações ao Oscar de melhor filme, melhor ator, melhor roteiro, melhor trilha sonora e melhor ator coadjuvante para Jack Oakle.

Em sua vida pessoal, Chaplin teve quatro casamentos e em três se divorciou das estrelas de seus filmes com escândalos. Aos 54 anos conheceu Oona de 18 anos com quem se casou e viveu até o fim de sua vida. O casal teve seis filhos.

Ainda que a popularidade de Chaplin fosse evidente e o sucesso de seus filmes irreverente, muitos de seus ideais não condiziam com os setores conservadores da sociedade norte – americana e após o lançamento de seu filme, Ombros Armas, protestos ocorreram. Sendo acusado de comunista foi perseguido pelo Macarthismo.

Em 1952 deixou os Estados Unidos para se recolher na Suíça. No ano de 1972 retornou aos Estados Unidos para receber o Prêmio Especial da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas. E no ano de 1975 Chaplin foi condecorado pela Rainha Elizabeth II com o título de Sir.

Charles Chaplin faleceu em Corsier-sur-Vevey, Suíça, em decorrência de um derrame cerebral, no Natal de 1977.

Tags:

Você pode gostar também

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *