CARREGANDO

O que você procura

Vila Mariana

Há quase 37 anos, Centro Olímpico trabalha com a formação de jovens

Compartilhar
Foto: divulgação

Sediada na Vila Mariana, instituição é referência em práticas esportivas. Foto: divulgação

A atividade física é a melhor forma de as pessoas, sejam crianças, adultos ou idosos, desenvolverem o corpo, a mente e a coordenação de movimentos, o que é bom para a saúde. No bairro da Vila Mariana, há diversos espaços para a prática de exercícios. Um deles, localizado na Avenida Ibirapuera, é o Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa (COTP). O local é uma coordenadoria de esporte de alto rendimento voltado na formação de atletas de base e os jovens que procuram a instituição, interessados em se inscrever nas “peneiras” (seleções), devem ter de 7 a 18 anos.

Segundo Fábio Augusto Broggini, que trabalha na supervisão técnica do COPT, as “peneiras” ocorem mensalmente, porém, não em todas as áreas. Apenas no final de janeiro e em julho ocorrem “peneiras” em dez modalidades. Os esportes individuais oferecidos pelo Centro são natação, ginástica artística, judô, luta olímpica, boxe e atletismo. Já os coletivos são futebol, handebol e basquete feminino, além do vôlei masculino.

Broggini detalha a estrutura e os benefícios dados ao atleta. “Eles ganham bilhete único, lanche, uniforme de treino e apoio na parte medica”. Ele reforça que, além disso, a instituição conta com o Centro de Excelência de Medicina de Esporte com dentista, nutricionista e diversos tipos de médicos, como clínico geral e cardiologista.

Atletas de destaque

“Trabalhamos na formação do atleta. Muitos já treinaram aqui. Alguns são Wallace (vôlei), Maria Portela (judô), César Ciello (natação)”, diz Broggini, destacando a passagem de grandes nomes do esporte atual pelo espaço. Hoje, no Centro Olímpico, há cerca 1.200 atletas e 70 profissionais entre técnicos contratados, voluntários e estagiários.

Ainda na década de 1970, atletas como Hortência, ex-jogadora de basquete, passaram pelo COTP. Em recente entrevista à revista Época, a atual diretora da Seleção Brasileira de Basquete Feminino falou sobre categorias base e ressaltou a importância de locais de treinamento para adolescentes. “Triplicamos o número de dias treinados, dobramos o número de amistosos disputados internacionalmente. Estamos fazendo escolinhas, capacitando nossos jogadores e temos uma leva muito grande de técnicos jovens.”

Outros nomes que passaram pelo local foram Ricardo Prado (natação) e Montanaro (voleibol), que ficariam famosos no mundo do esporte alguns anos depois.

O Centro Olímpico foi criado em fevereiro de 1976, há quase 37 anos. Informações divulgadas em seu site esclarecerem que o objetivo da sua criação era receber os atletas do programa “Adote um Atleta”, sendo, desde seu inicio, uma unidade destinada ao aperfeiçoamento de desportistas das categorias de base (crianças e adolescentes).

 
SERVIÇO
Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa
Av. Ibirapuera, 1315 – Vila Clementino
Tel.: (11) 3396.6452 / 3396.6468
Site: http://centroolimpico.ning.com/

Henrique Martorelli Maiolino (1° semestre)

Tags:

Você pode gostar também

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *